16/12/2009

SURTEI...

- "Ai, amiga eu tô precisando de ajuda, aqui no meu pai tá difícil... Sabe o que ele faz? Quando ele chega, abre as portas e todos os 597(oi?) cachorros (brincadeira, mas uns 12 são!)entram na casa, sobem no sofá e deitam na cama... Não posso nem colocar o Júnior (meu afilhado de 1 ano e 4 meses) na cama, ele fica no colo o tempo todo... Estou muito magra e debilitada, não aguento mais... Posso dormir aí?"

- CLARO que pode! Digo eu...

E a situação se repete... Mais uma vez... Meu Deus, quando é que eu vou aprender que eu não posso resolver os problemas dos outros? Eu já fiz o possível e o impossível para ajudá-la, mas é complicadíssimo... Um cara que ela diz que não quer mais, mas que bagunça a vida dela toda, só a mete em roubada, a agride física e moralmente, porra! Peraí... Telefone.
Era ela, está indo na corretora de imóveis atrás de uma casa para alugar porque o dinheiro foi liberado e ela precisa rápido da casa porque a avó vai se mudar, vai morar com ela e o filho que ela tem do primeiro casamento... É um rolo... Só Jesus...
Eu gosto muito dela, muito mesmo... A tratava mais como uma irmã mais nova, filha mais velha, sei lá... Largava tudo para poder dar suporte à ela. De manhã, de tarde, de noite e, principalmente, de madrugada... Como ela me ligava de madrugada... Eu sempre fui solidária... Ela conseguiu o mais difícil que era sair de casa, se separar (nem que fosse fisicamente) do cidadão)... Ele quando se deu conta, chorou, se ajoelhou, pediu, implorou uma nova chance... Patético... Ele é ridículo!! A trouxa, caiu no conto do vigário... Isso aconteceu uma, duas, três vezes... Quando ela sumia, eu já sabia: está com ele... Quando ela está com ele, ela não me liga, não pode falar comigo... Ela some! Quando o barraco está armado, ela volta, se lamenta, diz que quer mudar tudo, arrumar a vida... Confesso que dessa vez deu pra mim... Não dá mais... Ajudo, sim, no que puder, mas não quero mais me envolver, chega!! Da última vez ela ficou uns 7 ou 10 dias lá em casa, nos apegamos ao menino, eu tratava como um filho... Ela vinha e ia, vinha e ia, até que sumiu... Agora voltou... Vou ajudar, mas não quero mais envolvimento do tipo "fica lá em casa". Não quero! Até porque vou começar a ser cobrada, né? Meu filho mais velho me perguntou no outro dia "isso aqui virou hotel?" Hã? Pois é... E Marido? Não falou nada, mas daqui a pouco...

Ontem foi a gota d'água, eu estava com a macaca (se é que vocês me entendem)...

Cheguei em casa enlouquecida...

" Ah, não, assim já é demais... Tira a minha privacidade, atrapalha o meu momento em casa, de noite, quando marido chega, interfere na rotina das crianças, da casa, por mais que eu tente, interfere, sim... Deixa tudo espalhado (eu surto com bagunça), e como se não bastasse, quando vou colocar as roupas na máquina para lavar, lá estão elas: as roupas dela e do Gordo (Gordo é o modo cuti cuti que a gente chama o Júnior). Surtei, né? Eu já estava com tudo pronto para vetar a ida dela lá pra casa ontem quando ela liga dizendo que ia ficar lá pela casa da mãe... Desabafei com marido quando ele chegou... Está vetado e decidido: aqui em casa eu não quero mais!!

Me desculpem pelo desabafo, mas eu PRECISAVA!! Estou ficando refém na minha própria casa! Como assim??? MINHA casa! MEU espaço! O ÚNICO lugar onde eu posso fazer o que quiser, como quiser, quando quiser, relaxar, descansar... Descansar, é tudo o que eu NÃO estou fazendo!

Ai, miguxos, eu precisava desse momento, tá?

Um beijo enorme!!!

10/12/2009



O blog Néctar da Flor, em parceria com o Eu Hoje!, estão fazendo uma super promoção, gente!
Serão sorteados:
- 6 pacotes com o curso de inglês Quick English, com livro, caderno de autoexame, glossário, mini dicionário, vídeo cd, áudio cd, diploma, mais boné, camiseta, meia, pochete, chaveiro, tudo com a bandeira do Canadá.
- 6 layouts feitos pela Lelinha, da Fábrica de Layouts (a mesma que fez este meu),
- 1 tela 25x25 da artista plástica ADiniz.
Para participar, as regras são as seguintes:
1 – Se cadastrar no pacote gratuito do Eu Hoje! (site que lhe permite mostrar o seu humor no seu blog)
2 – Deixar um comentário no Néctar da Flor, avisando que se cadastrou e que está participando da promoção.
3 – Colocar o humor no seu blog.
4 – Postar sobre a promoção no próprio blog.
5 – Quem já for cadastrado no Eu Hoje, só informa o nome do blog ao deixar o comentário no Néctar da Flor e posta sobre a promoção em seu blog.
ATENÇÃO: Só será validado o blog que seguir todas as regras.
O sorteio será realizado pelo RANDOM e filmado. O 6 primeiros sorteados levarão o pacote do curso de inglês, os outros 6 os layouts e o último levará a tela. Ao todo serão 13 sorteados.
Eu já me cadastrei!
Clique nos links abaixo e se cadastre você também!

Néctar da Flor

Eu Hoje!

09/12/2009

IDEOLOGIA

Lendo meus e-mails agora à tarde, eu me deparo com esse texto, mandado por uma amiga muito querida. Na mesma hora eu pensei: "vou colocar no blog"... Esse texto é o relato de uma psicóloga, mas que EU, euzinha mesmo, me apossei com unhas e dentes porque fala EXATAMENTE tudo o que eu pensei ao assistir o filme... Confesso que nunca fui lá muito fã do Cazuza, mas gostava das músicas, sim! Ouvia, sim! Cantava, sim! Mas depois de assistir o filme, fiquei tão enojada que risquei essa criatura do mapa! Pelo menos, do MEU mapa... Achei muito interessante o que ela escreveu e repasso aqui para que possamos refletir um pouquinho, principalmente aos amigos blogueiros que tem ou terão filhos... Diz o e-mail:
"CAZUZA, O FILME
Esse cidadão dizia: "Meus heróis morreram de overdose". E era aplaudido.
É ... DEVIAM COLOCAR o texto abaixo NUM OUTDOOR LÁ NA PRAÇA CAZUZA, NO LEBLON(uma psicóloga escreveu, corajosamente algumas verdades)...
Fui ver o filme Cazuza há alguns dias e me deparei com uma coisa estarrecedora: as pessoas estão cultivando ídolos errados... Como podemos cultivar um ídolo como Cazuza? Concordo que suas letras são muito tocantes, mas reverenciar um marginal como ele, é, no mínimo, inadmissível. Marginal, sim, pois Cazuza foi uma pessoa que viveu à margem da sociedade, pelo menos de uma sociedade que buscamos construir, com educação, respeito, conceitos de certo e errado. No filme, vi um rapaz mimado, irresponsável, banal, que nunca precisou trabalhar para conseguir nada, já tinha tudo nas mãos. A mãe vivia para satisfazer as suas vontades e loucuras. O pai preferiu se afastar das suas responsabilidades e deixou a vida correr solta. São esses pais que devemos ter como exemplo? Cazuza só começou a gravar porque o pai era diretor de uma grande gravadora! Existem vários talentos que não são revelados por falta de oportunidade ou por não terem algum contato. Cazuza era um traficante, como sua mãe revela no livro, admitiu que ele trouxe drogas da Inglaterra, um verdadeiro criminoso. Concordo com o juiz Siro Darlan quando ele diz que a única diferença entre Cazuza e Fernandinho Beira-Mar é que um nasceu na zona sul e outro não. Fiquei horrorizada com o culto que fizeram a esse rapaz, principalmente por minha filha adolescente ter visto o filme. Precisei conversar muito para que ela não começasse a acreditar que usar drogas, participar de bacanais, beber até cair e outras coisas, fossem certas. Já que foi isso mostrado pelo filme. Por que não são feitos filmes de pessoas realmente importantes que tenham algo de bom para essa juventude já tão transviada? Será que ser correto não dá Ibope, não rende bilheteria? Devo lembrar aos pais que a morte de Cazuza foi consequência da educação errônea a que foi submetido. Será que Cazuza teria morrido do mesmo jeito se tivesse tido pais que dissesem NÃO quando necessário? Lembrem-se, dizer NÃO é a prova mais difícil de amor. Não deixem seus filhos à revelia para que não precisem se arrepender mais tarde. A principal função dos pais é educar. Não se preocupem em ser 'amigo' de seus filhos. Eduque-os e mais tarde eles verão que você foi à pessoa que mais os amou e foi, é, e sempre será, o seu melhor amigo, pois amigo não diz SIM sempre".

Educação É a base de tudo, gente!!!!

P.S. quero aproveitar e deixar aqui registrado que eu fiquei, sim, estarrecida com o filme(que vida mais suja , gente. Chamá-lo de promíscuo é apelido, né?), mas eu AMEI a interpretação do Daniel Oliveira: ele foi perfeito!! Deixo aqui minhas sinceras e admiradas babações de fã porque acho que ele foi realmente sensacional interpretando Cazuza... Parabéns, Daniel!!

(alguma coisa boa esse filme tinha que deixar, né?)

07/12/2009

Mengo !
Estou sempre contigo
Somos uma nação
Nao importa onde esteja
Sempre estarei contigo

Com o meu manto sagrado
Minha bandeira na mão
O Maraca é nosso
Vai começar a festa

Dá-lhe, dá-lhe, dá-lhe, ôooo
Dá-lhe, dá-lhe, dá-lhe, ôooo

Mengão do Meu Coração!!!






01/12/2009

MUDANÇA DE TEMPO


A meteorologia prevê... Tá calor, muito calor... E vai ficar pior...

Portanto, acho bom vocês irem se preparando, o calor vai ficar insuportável e, até mesmo como um método de sobrevivência, você deve procurar alternativas para manter a temperatura do seu corpo em condições aceitáveis...
Uma boa piscina pode resolver o seu problema...
Ou quem sabe o mar...

Nesse mar eu caio toda hora...rs...

Beijinhos, tá...